• Reaction Consultoria

6 Mitos da Motivação no Trabalho


Mitos

  • Dinheiro é o único motivador - Sem dúvida o dinheiro é um bom método para motivar, porém não é o único e em vários casos e estudos foram considerados ineficaz.

  • Punição não motiva – A punição ou ameaça apesar de não ser a melhor opção, pode ser um motivador bem eficaz. O problema é que costuma atuar no curto prazo, e não ser sustentável, pois faz com que as pessoas falam apenas o mínimo para não ser punido. É importante entender como administrá-la de forma justa e utilizar apenas em situações mais críticas.

  • Todo mundo é motivado pelo que me motiva - Cada pessoa tem sua própria e particular visão de motivação, embora tenham necessidades e até desejos em comum, existem diversas formas de motivação: financeiro, reconhecimento, estima, realização, equidade, integração, liberdade, autonomia etc. E mesmo a própria pessoa em momentos distintos da vida, assume motivações diferentes.

  • Baixo desempenho é por causa de baixa motivação - Embora a baixa motivação seja uma causa comum do baixo desempenho, certamente não é a única causa, pode estar relacionada com a falta de capacidade ou oportunidade para melhorar o desempenho.

  • Falta de motivação é só para preguiçosos - Em alguns casos sim, contudo, a falta de incentivos, ou a insuficiência deles, pode não estar energizando as pessoas adequadamente. Em pesquisa realizada, foi descoberto que pessoas desmotivadas estavam altamente comprometidas e motivadas em outra situação, ao mesmo tempo. O desafio é descobrir o que traz à tona esse esforço e o que pode ser feito para influenciar isso.

  • Pessoas inteligentes e capazes não precisam ser motivadas - É o mito mais perigoso. Como essas pessoas, mesmo desmotivadas, tendem a render mais do que as demais, é comum que os gestores não se esforcem o suficiente para obter mais desse funcionário, que bem ou mal, consegue entregar um nível aceitável de trabalho, mesmo sendo capaz de muito mais. Este, por outro lado, provavelmente, ficará em algum momento desiludido e pedirá demissão ou movimentação, deixando um buraco que podia ter sido facilmente resolvido.


Mas então, como você motiva as pessoas? Na verdade, essa pergunta tem que ser reformulada para: Como você motiva o funcionário x, para fazer uma determinada tarefa, sob determinado contexto. Ou seja, cada estratégia sempre dependerá da pessoa envolvida, da história e da situação atual. Existem diversas técnicas que motivam e são largamente utilizadas, o problema é supor que uma delas, irá resolver um problema para para todos, e sempre.




Dúvida sobre o trabalho de uma consultoria? Assista o vídeo!

Referências

BALDWIN, T.; BOMMER, B.; RUBIN., R. Gerenciando o comportamento organizacional: o que os gestores eficazes sabem e fazem. Elsevier, 2015.


#Organização #gestãodepessoas #Estratégia #Transformação #Mudança #FEEDBACK #motivação

10 visualizações

© Reaction Consultoria