• Reaction Consultoria

O que é o tal do MACROAMBIENTE?


A PESTE

Macroambiente, não confundir com meio ambiente. Você certamente já ouviu falar nesse termo alguma vez na sua vida, é muito citado quando falamos de planejamento estratégico, análise de mercado, marketing, e até mesmo de investimentos financeiros.

Uma empresa, seja ela qual for, não está sozinha no mercado, mesmo a mais solitária, pioneira e isolada, SEMPRE, estará envolvida junto a diversos atores externos, chamados ambientes, que impactam positiva, ou negativamente a empresa.

Os mais conhecidos são: Político, Econômico, Social e Tecnológico. Fácil de lembrar pois forma o acrônimo PEST.

Alguns autores, com a crescente, e válida, preocupação com o meio ambiente, acrescentaram o E, de Environment, em português Ambiente. Formando o acrônimo PESTE.

E não parou por ai, alguns utilizam PESTEL, PESTANA, PESTAN, PESTD, acrescentando atores como Demografia, Leis, e Cultura.

Aqui utilizamos o PESTE, pois entendemos que as demais variações se referem a detalhamentos que já são abrangidos, por exemplo Demografia é abordado pelo Social.

A IMPORTÂNCIA

Como informado acima esses ambientes da PESTE criam impactos na empresa, e a característica em comum, e que os tornam participantes do que chamamos de MACROAMBIENTE é que NÃO temos controle sobre esses impactos.

Mas, se não temos controle, qual o motivo de sabermos isso?

Simples, porque determinados impactos, podem fazer com que uma empresa feche as portas, ou as vezes nem abra, como será visto nos tópicos abaixo.

Mas nem tudo é negativo, alguns impactos podem criar oportunidades de lançamentos de novos produtos.

Na prática, é necessário ter mapeado os possíveis impactos positivos e negativos para que em caso de ocorrência, não se tenha surpresa, e medidas de contorno/aproveitamento possam ser executadas a tempo.

POLÍTICO

Esse ambiente envolve leis, agências governamentais, e o estado como um todo. As decisões não só de marketing, mas estratégicas e operacionais também são afetadas pelas políticas existentes.

Alguns tópicos desse ambiente que precisam de levantamento são: Quais as regras a serem seguidas na região? Quais as limitações impostas pelas leis? Existem restrições de produto? O governo atual é estável? Quais as visões políticas desse governo?

As respostas dessas perguntas irão auxiliar, e até mesmo definir a existência ou não de um negócio. Por exemplo, determinada empresa deseja abrir uma franquia de seu produto em uma nova região, porém durante o levantamento político foi descoberto que existem leis que regulam ou limitam a fabricação e venda desse produto de tal maneira que torna o negócio inviável.

ECONÔMICO

O ambiente econômico afeta diretamente a capacidade de aquisição dos consumidores, para se precaver é necessário entender alguns tópicos, como: o crescimento local; taxas de importação e exportação; impostos; desemprego; inflação e câmbio.

Exemplo: Seu negócio atual pode estar sendo afetado por uma crise de cambio, pois certo componente do seu produto, teve um crescimento do custo por conta da variação cambial.

O mesmo pode ocorrer em função de um determinado imposto local que teve aumento e está impactando o lucro final recolhido.

Abaixo um esquema de interação dos ambientes com uma empresa facilitando o entendimento.

E não perca, no próximo artigo, os demais ambientes e o fechamento sobre Macroambiente.

Precisando de uma ajudinha na sua empresa? Entre em contato agora!

#Organização #EmpresadeConsultoriaEmpresarial #ConsultoriaEmpresarial #PlanejamentoEstratégico #ObjetivosEstratégicos #Estratégia #Macroambiente #PesquisadeMercado #AnálisedeMercado #MatrizSWOT

© Reaction Consultoria